domingo, 11 de setembro de 2011

Apesar de tudo Tee Amoo.

Sabe, amar é muito mais do que dizer frases complicadas e bonitas, é muito mais do que dizer que ama, amar é falar com atitudes, amar é provar que ama., o amor platônico é o amor mais lindo e sincero que há, pois a gente ama sem esperar nada em troca, a gente ama mesmo sabendo que esse amor pode não passar de uma simples ilusão, mas ele não é menor ou menos importante por isso. A única alegria é o teu sorriso, a única luz é o brilho dos teus olhos, a única melodia é o som da tua voz. Como queria poder estar perto para sentir o teu toque, para sentir o teu cheiro, saber quem realmente você é. Chega de imaginar, de fazer milhões de suposições, chega de ilusões, eu quero saber quem você na realidade, saber qual é a sua atitude diante das situações, saber como você iria reagir se eu dissesse que te amo. Mas quem foi que disse que para eu te amar eu preciso estar perto? O amor vai muito além disso, o amor é poder sentir aquilo que é precioso apesar de tudo. Não, não à primeira vista, porque o amor não acontece do nada, é um sentimento gradual, vai acontecendo devagar, agente não percebe e quando dá conta de si já não pode mais controlar as emoções. Eu não queria nada além de poder dizer olhando nos teus olhos que tudo o que eu sinto é amor. Teu olhar é o mais sincero, tua voz é a mais doce, o teu cheiro com certeza é o mais forte. Eu queria poder dizer “nós” quando me referir a “Eu e Você”, mas infelizmente nossos caminhos talvez nunca se cruzem e esse amor nunca se concretiza, mas e daí? De que adianta fazer tantas suposições do futuro se não sei o que vivo no agora? Você é o meu hoje, o meu agora e se eu e você permitimos você será também o meu amanhã. A cada segundo que se passa eu penso no que você pode estar fazendo no minuto seguinte, e se passa esse minuto e eu penso no que você fez naquela hora, se passa aquela hora ! a vontade de te ver é muito maior do que um simples desejo, o sonho de te ter é muito maior do que uma simples vontade. Talvez eu e você sejamos como a noite e o dia, como o céu e o inferno, como o sol e lua, totalmente opostos, mas de que importa tudo isso de que importa a diferença se tudo o que conta é o sentimento, e este é um só: Amor! Pra que escrever tudo isso se talvez você nunca leia, pra que gritar ao vento se as palavras de perdem no caminho? Talvez a solução seja jogar uma garrafinha ao mar, com um bilhetinho dentro, mas tudo o que cabe ali é um simples “eu te amo”, acho que isso basta, afinal de nada adiantam muitas palavras se não tem o principal que é o sentimento. Ainda há uma esperança, o seu sorriso ainda ilumina a escuridão de ilusões acabadas dentro de mim, os teus olhos ainda me dão forças para enfrentar aquilo que eu não poderia suportar sem você. Não é fácil falar de amor, mas quando amamos tentamos descrever com palavras o que ele é. A única coisa impossível do amor é explicá-lo! Tão mágico é o amor, não dá pra comparar, não dá pra explicar, dá apenas para sentir e eu queria que você pudesse sentir pelo menos um pouco desse amor que eu sinto, porque amar é muito mais que falar, é mostrar com atitudes. O meu maior medo é que você não acredite no meu amor, porque eu não posso mostrar com atitudes, mas apesar de tudo eu sei que posso te amar e que ainda há uma esperança de você acreditar, está marcado em meu olhar. Sim, um dia eu ainda vou te provar!
Eu te amo muito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário